quarta-feira, 25 de junho de 2014

LUIS GOUVEIA

Magico Vento 62 - O alvo - Entre os vales verdes das Montanhas Negras, onde o ouro corre a rios, o general Custer encontrou seu paraíso terrestre. Mas ele não percebeu a serpente silenciosa e mortífera que se infiltrou entre suas próprias tropas. Ao mesmo tempo, Billy Trump continua aumentando sua trilha de cadáveres, e mesmo com Poe e Touro Manchado muito próximos, ninguém parece ser capaz de deter o endemoninhado rapaz. Magico Vento 63 - O bando dos inocentes - Nos rastros de cavalos roubados dos Sioux por um grupo de índios que foram banidos de suas tribos, Magico Vento chega a um rancho próximo à Bannack, em Montana, de propriedade de Venus Keller, uma bela e corajosa mulher atormentada pelo mistério que rodeia a morte de seu marido Truman. Talvez quem o matou queria impedi-lo de reabilitar a memória dos Inocentes, um grupo de vigilantes guiados pelo xerife Plummer, suspeitos de terem se tornado criminosos e por isso justiçados. Ou, talvez, as razões de sua morte devam ser buscadas no eterno jogo das paixões.
Magico Vento 62 - O alvo
Magico Vento 63 - O bando dos inocentes

5 comentários:

  1. Muito obrigado amigo!!
    também estou postando alguns números de mágico vento!!
    esse personagem é muito bom
    valeu!!!

    ResponderExcluir
  2. Mágico Vento é bom demais. Grato.

    ResponderExcluir